o lado B

Todo lugar que se lê sobre gravidez vemos as maravilhas, as emoções, etc, etc etc… tenho amigas que já são mães e falam todas essas maravilhas, as delícias de ver o filho nascendo, a emoção de saber o que é um amor de verdade massssss que não passariam por outra gravidez. Outras pessoas que tem mais de um filho já me disseram que a gente esquece e por isso encara tudo de novo.

Como esse blog é meu ponto de desabafo, sinceridades e ajuda para as desesperadas como eu, vou ser muito sincera. Essa fase da gravidez tem de bom a sensação de saber que há uma pessoinha aqui dentro que vai ser a coisa mais importante da minha vida… de resto, to péssima.

São muitos incomodos, muito sono, muita indisposição e eu muito, mas muuuuito devagar (quem me conhece sabe que sou a aceleração em pessoa e isso tá me matando).

Para terem idéia de um pedacinho da minha vida louca… sábado agora (dia 25) vou trabalhar no casamento da Carol e do Fábio. Segunda (27) viajo pra Águas de Lindóia e fico 3 dias num evento da Unesp (evento esse que vou participar apresentando meu trabalho que foi selecionado). No outro sábado (2/10) tenho casamento da Vivian e do Daniel em Buritama, dessa vez como convidada. E no domingo marido viaja pra São Paulo e fica 15 dias lá a trabalho. Ou seja, são mil coisas pra programar, malas pra fazer e desfazer, roupas pra organizar.

Com isso tudo ontem tirei o dia pra colocar a casa em ordem (que a dona Conceição, minha amada faxineira e anjo, está de molho por uma cirurgia na mão).  Perguntem se coloquei a casa em ordem!!! NÃO… mal dei conta de dar uma organizada nos cômodos. Pra minha sorte marido um dia antes tinha limpado toda a cozinha, ms ainda ficaram os banheiros e toda a roupa que preciso lavar, passar e organizar antes de pensar nas malas. E isso tudo eu teria feito numa noite, sem nem precisar faltar do trabalho se eu tivesse no meu ritmo normal.

O calor tá de matar tb, acho que isso ajuda atrapalhar tudo. Também não estou conseguindo comer direito, só tenho vontade de salada, fruta, leite e sorvete. Arroz e feijão neeeem pensar. Carne talvez um pouco e as vezes.

A relação marido-e-mulher fica altamente comprometida com esse sono e irritação, o marido tenta ser compreensivo mas eu sei que é muito difícil. Eu sempre tinha medo de ficar grávida e o peso da barriga me atrapalhar, mas to achando que, mesmo com peso, se eu nao tiver todo esse sono e indisposição, a coisa vai melhorar.

Toda essa sensação se mistura ao medo de meu babyzinho se sentir rejeitado, e não está nem perto disso, mas cabeça de mulher-grávida é mais louca que cabeça de mulher na tpm.

Enfim, é isso… hoje é sexta-feira e precisei desabafar.

Beijo e bom fds pra vcs…

2 Comentários (+adicionar seu?)

  1. Márcio Corrêa
    set 24, 2010 @ 19:17:08

    Espere quando estiver no quarto (ar)rebento… Maridos não carregam filhos na barriga, procure antes em nossas cabeças. Seu mal-estar deve passar após três ou quatro meses. A verdade, todavia, é que não há modelos: cada gravidez, ainda que no mesmo corpinho, é evento único (Que bom! Você adora eventos…). Rezam as lendas que coisas como melancia com maionese deixam de ser absurdas, mas isso não é uma certeza. Relação marido/esposa? Imagine… Contanto que o momento não seja de indisposição, tudo se resolve ficando de ladinho. E ainda que se esteja de ladinho já há oito meses, não se preocupe, ninguém vai cutucar a gloriosa criaturinha que deve chegar sem sustos maiores que o de pousar numa terra estranha já tomando cascudos…
    Enfim, sou solidário com seu desabafo e tenho inveja de sua condição. Um curioso-mor como eu jamais vai superar uma mulher, nesses termos. Qualquer que seja ela. É uma história inenarrável, do ponto de vista masculino e uma condição intransferível, do feminino.
    Mas estamos aqui, os amigos.
    Particularmente este que vos fala… E tenho dito!

    Responder

    • minhaprimeiragravidez
      set 24, 2010 @ 19:21:03

      Obrigada Marcio, pelo apoio, pelo carinho, pelas palavras… bom ouvir vozes masculinas, hehehehe…
      Foi um desabafo, nem tudo são flores como em tudo na vida, ms não há dúvidas que isso tudo é por um bem infinitamente maior🙂
      Beijossss e bom fds!!!!

      Responder

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: