Instintos

No dia que peguei o exame, saí do laboratório e fui pro centro da cidade esperar o marido e comprar os babadores como já contei. Deixei o carro um pouco longe e tinha que subir a rua. Quem me conhece sabe o tanto que sou espivitada e acelerada. Sem perceber, desci do carro e fui subindo a rua calmamente, andando devagar.
Outro dia me peguei com a mão na barriga quando fui atravessar uma rua movimentada. Sempre achei esquisito esse negócio de grávida com a mão na barriga o tempo todo, olhando de fora parece até ridículo ou que a mulher quer mostrar pra todo mundo que tá grávida. Percebi que é um instinto de proteção.
Assim como andei devagar porque agora calculo todos os meus movimentos já que tenho um bebê pra proteger, a mão na barriga quando vou atravessar a rua ou quando vou fazer um movimento extra é para proteção também, como quando seguramos a mão da criança pra atravessar. Não está doendo, não está pesado e não teria motivo nenhum pra ficar segurando a barriga. Mas dentro de mim, sei que só eu posso protegê-lo(a) e preciso fazer isso, mesmo que eu não perceba.
É isso, boa semana pra todos. Beijinhos🙂

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: